Casa

Como servir cervejas e saboreá-las com inteligência

Saber servir cervejas não se resume a colocá-la dentro do copo.

É muito importante controlar a temperatura, segurar a garrafa do jeito certo, usar o melhor copo para o tipo de fermentação da bebida

Um serviço de cerveja que se preze abrange toda a experiência do consumo da bebida. 

O jeito certo de começar é criar um cardápio com algumas variedades interessantes. 

– As mais populares entre seus convidados; – A mais adaptada ao clima, à época do ano; – Aquelas que se harmonizam melhor com os acompanhamentos.

Abaixo de 0 graus Celcius o contato da cerveja com as papilas gustativas presentes na língua se fecham e você não conseguirá sentir plenamente o sabor da cerveja.

Por isso a “geladíssima” é constantemente um truque para disfarçar bebidas que não prezam pela qualidade.

A verdade é que cada tipo de cerveja deve ser servida dentro de uma temperatura específica, já que estimulam sensações diferentes. Confira:

– Cervejas tipo lagers e pilsens, mais refrescantes: entre 0 e 4°C; – Cervejas de trigo e frutadas: entre 5 e 7°C;

– Cervejas como Porter e Vienn, escuras,: entre 8 e 12°C; – Cervejas mais complexas e alcoólicas, tipo as Stout e Trapistas: entre 13 e 15°C.

Assim como os tipos de cerveja variam bastante, os copos onde cada uma deve ser servida também.

Isso ocorre porque esses recipientes devem ajudar a estabelecer as condições ideais para levar a bebida à boca.

Existem, inclusive, cervejarias que lançam copos com design totalmente inéditos, de modo a oferecer a maneira ideal para degustá-la.